domingo, 30 de junho de 2013

De volta com Saturno, Lua, Vênus e aglomerados.

Após alguns dias sem poder praticar um pouco de astronomia e astrofotografia, estou de volta.
Foram alguns dias viajando cumprindo uma agenda profissional, mas já cheguei com abstinência do telescópio.
Ontem a tarde se foi lindamente aqui em BH, e Vênus estava brilhante e imponente no por do sol.
Saturno veio em seguida, e no meio da madrugada entre um aglomerado e outro surgiu a lua.

Ao entardecer, o crepúsculo veio muito bonito e o planeta Vênus brilhou com toda sua intensidade em quanto o sol se punha. Peguei a câmera e corri para fotografar. Abaixo o resultado desse clique:

Em seguida, logo quando a noite chegou de vez, peguei o telescópio e o alvo foi Saturno, que estava numa boa posição e o seeing me parecia razoável. Abaixo o resultado de um vídeo de 2000 frames, dos quais foram aproveitados 1100.

Depois comecei a fotografar alguns aglomerados, e o primeiro deles foi o NGC6231, localizado na constelação de escorpião, é um alvo de fácil localização, e que foi descoberto em 1654 pelo astrônomo Giovanni Hodierna.
 Enquanto procurava outro aglomerado para fotografar, a lua apareceu linda em seu quarto minguante, e obviamente não resisti. Abaixo o resultado de dois cliques, montados para mostrar a totalidade de sua beleza.

Por fim o último alvo da noite foi o aglomerado aberto de estrelas M25, que se localiza na constelação de Sagitário, que foi descoberto pelo pelo suíço Jean-Philippe de Chéseaux em 1745, e acrescentado por Charles Messier a seu catalogo em 1764. Esse aglomerado se localiza a cerca de 2000 anos-luz da Terra, e tem uma extensão de cerca de 19 anos-luz.